You are currently viewing Conheça as vantagens que a integração entre a Gett e o software WMS traz para as empresas

Conheça as vantagens que a integração entre a Gett e o software WMS traz para as empresas

Antes de mais nada, é importante reforçar como a tecnologia contribui para o sucesso de uma corporação. Joseph Juran (1904), também chamado de “o guru da qualidade”, desenvolveu a Trilogia de Juran que diz respeito ao planejamento, (II) controle e (III) aperfeiçoamento, ou seja, a busca pela melhoria contínua em uma empresa. Na mesma linha está o sistema Toyota de Produção (TPS) que visa aumentar a eficiência da organização por meio de estratégias enxutas, ou seja, reduzir todo tipo de desperdício (muda 無駄, em japonês), e que pode ser aplicado na superprodução, no estoque, na espera, no transporte etc. 

Entendemos nessa breve introdução duas coisas de extrema importância para o sucesso de uma organização:

  1. melhoria contínua;
  2. redução de desperdícios, ambos se aplicados em uma organização, se transformam em redução no preço final para o cliente e/ou em uma melhor margem de lucro para a empresa.

Mas como é possível atingir a melhoria contínua e a redução dos desperdícios da empresa? 

É nessa hora que a tecnologia se torna uma excelente aliada na cadeia de suprimentos. E pensando nisso que a Gett trouxe mais uma inovação para o setor de Comércio Exterior e Logística: a integração com o software WMS. Vamos descobrir como essa união pode facilitar as suas operações? Continue a leitura.

O que é WMS?

Ao gerenciar uma cadeia de suprimentos de ponta a ponta é necessário controle, armazenagem de dados, integração com diferentes departamentos da empresa e automatização das diferentes etapas da logística.

Para isso, é necessário um software que gerencie todo esse processo e consiga identificar possíveis desperdícios, bem como também entregar relatórios para que tomadores de decisão possam identificar potenciais melhorias na organização.

O Warehouse Management System (WMS) é o sistema que realiza o gerenciamento de armazéns e das operações logísticas que envolvem essa etapa. As principais funções de utilizar um WMS são:

  • conferência do recebimento das mercadorias;
  • melhor organização de estoques e armazenagem adequada;
  • otimização do picking;
  • expedição;
  • emissão de relatórios.

Por meio da leitura de códigos de barras ou mesmo etiquetas RFID é possível monitorar toda a entrada e saída de mercadorias e outras informações importantes como a validade, número do lote e localização do produto. 

Essa solução integra processos de centros de distribuição e armazéns, controlando todas as movimentações no inventário, estoque, separação, preparação e identificação de possíveis melhorias na operação.

Tablet utilizando ferramentando para simbolizar o Software WMS em galpão com caixas de papelão empilhadas ao fundo.

Quando o WMS é integrado em um ERP, como o da Gett Tecnologia, ainda mais vantagens são identificadas, pois é possível realizar uma gestão completa da cadeia logística.

O que é o ERP da Gett? 

O Enterprise Resource Planning (ERP) é um sistema de integração dos diversos departamentos de uma empresa. O ERP da Gett Tecnologia traz uma gestão completa de todas as fases do processo de importação, desde a entrada do produto no Brasil até sua venda e distribuição, provendo as seguintes soluções para empresas: 

  • classificação fiscal;
  • simulação de custos;
  • controle da operação;
  • emissão de NF;
  • gestão do backoffice, estoque, financeiro, vendas e cobranças.

O grande diferencial da Gett é a especialização para o Comércio Exterior e sua grande facilidade de se integrar em outros sistemas. Sempre em vista de alcançar o sucesso de seus clientes, otimiza suas operações com um software que centraliza e deixa a operação completa na gestão de comércio exterior, desde as obrigações fiscais até, claro, a gestão de distribuição e armazenagem.   

Integração entre o software da Gett e WMS

O fluxo de integração entre a Gett e o Warehouse Management System (WMS) traz simplicidade e facilidade aos processos. Como o fluxograma abaixo mostra, o pedido é realizado e a partir do WMS é feita a separação e confirmação do pedido, passando para a próxima etapa que é a emissão automática da NF de saída e o upload da documentação fiscal e boletos.

A partir disso, a Gett então organiza o fluxo de caixa (contas a pagar e receber), controla a saída do pedido e sua expedição e, por fim, a conclusão do pedido.

Banner com fluxo de integação entre os sofwares WMS e Gett.

Eis porque a integração da Gett Tecnologia com o WMS permite alcançar consideravelmente uma redução de desperdícios em estoques e a melhoria contínua da operação, obtendo grandes resultados.

Os principais ganhos ao integrar esses dois softwares, são:

  • agilidade na operação e maior produtividade;
  • confiabilidade nas informações;
  • integração completa da cadeia logística, softwares e processos;
  • redução do tempo de espera do cliente e maior fidelização;
  • evita ruptura do estoque;
  • maior controle no processo de armazenagem e distribuição;
  • redução nos custos de mão de obra;
  • relatórios otimizados que melhoram a tomada de decisão;
  • menor incidência de erros por falhas humanas;
  • maior integração dos departamentos da empresa;
  • maior vantagem competitiva;
  • potencialização do tempo e talento humano do seu time.

Alcançados todos esses benefícios, o resultado é inevitável: aumento da margem de lucro para a empresa

É importante mencionar que o software da Gett se adapta facilmente às necessidades de cada cliente, solicite uma demonstração com um de nossos consultores.

Kauana Pacheco

Kauana é formada em Negócios Internacionais e é especialista em Big Data & Market Intelligence. Kauana é a fundadora da ComexLand, onde atua como especialista em marketing focado para empresas do Comércio Exterior e Logística Internacional.

Deixe um comentário