Sponsors
[ 13 de maio de 2020 por Equipe CDT 0 Comentários ]

Marcelo Viana: Algumas coisas que Aprendi trabalhando em Comércio Exterior

Sobre a saúde

O “trampo” em comex muitas vezes, é cruel. Caso você não tenha um limitador (como em qualquer outra profissão) poderá ter graves problemas com sua saúde.

Há alguns anos atrás, andando dentro do porto me senti mal.

Era uma fria quinta feira a tarde, e logo após o almoço, aguardando a parametrização” das 14h, senti uma dor intensa perto da lombar. Em princípio achei que era uma dor advinda de algum jeito, um movimento brusco, ou algo parecido, mas não era. A dor aumentou tanto, foi tão intensa que tive a sensação de desmaio. Fui amparado por um colega, que entrou em contato com minha irmã e saí de lá direto para uma emergência.

Ao fazer um exame fui diagnosticado com um cálculo renal, que ao “andar” ficou alojado no ureter. Nesta época eu estava com um volume muito grande de trabalho e não me permita intervalos maiores do que 30 minutos para almoço. Tampouco parava para um café ou até beber água. Simplesmente ligava no automático e seguia.

Nesta época para processos de exportação demandávamos de alguns passos, e controlar todo o fluxo era realmente estressante, além do tempo reduzido em um “deadline” e outro.

Da pior maneira tive que parar.  Ao ser internado para uma cirurgia emergencial, pude perceber que em primeiro lugar devemos SEMPRE cuidar de nossa saúde. O fluxo não podia ser daquela forma. As mesmas 24hs servem para todos, e aquilo que eu classificava como “eficiência”, na verdade, era falta de organização. Foram vinte dias internado, e ao deixar o hospital mais quinze dias com um cateter. Com um detalhe irônico: O mesmo tipo o qual eu desembaraçava para uma indústria farmacêutica.

Faça seu trabalho com dedicação, amor, garra, suor, lágrimas, o que seja; mas não descuide nunca de sua saúde.  Um simples copo de água em intervalos regulares pode ser a diferença entre a vida e a morte.

Descanso faz parte do trabalho. Sem saúde, não tem meta, performance, prêmio ou reconhecimento. Você não tem nada.

Sobre Pontualidade

Trabalhar muitas horas em horários diversos, fins de semana e feriados. E acredite: Você vai adorar isso.

Uma das maravilhas neste setor é a falta de rotina. E quando falo sem rotina, é sem rotina. Um dia nunca é igual ao outro: São canais que não estavam na programação, carga que não cabe na unidade contratada, fiscalização em greve, MAPA que não pode conferir, cliente estressado, carga atrasada…. Um sem fim de situações que podem mudar de forma significativa seu dia. Para o “bem” ou para o “mal”.

Fusos horários, clientes de várias partes do mundo, cultura, feriados, tudo que vai fazer com que você tenha as vezes que acordar de madrugada para atender um telefonema, ou ainda enviar uma mensagem em pleno feriado.

Ao mencionar “comércio exterior”, “logística internacional”, “relações internacionais”, algumas pessoas têm em mente que viajarão o mundo conhecendo vários países. Na maior parte das vezes isso não é possível, não são todas as empresas que tem esta demanda, e viagens assim as vezes são raras. É como no futebol. Nem todos têm o salário dos grandes astros do futebol mundial.

Mesmo sem rotina, é importante ter disciplina e pontualidade. Entregar o prometido. Tão importante quanto uma meta é cumprir prazos; bastando lembrar que neste setor prazos não cumpridos podem transformar-se em prejuízos, tanto para quem trabalha como importador e / ou exportador ou ainda como prestador de serviços. Uma alta performance está ligada diretamente a disciplina.

Sobre mudanças e hábitos

As vezes a própria experiencia faz com que tenhamos a convicção, errada, diga-se de passagem, em não estudar constantemente. Neste mundo tão “líquido” o qual não sabemos o que acontecerá daqui para a frente, não podemos deixar de estudar e se atualizar.

Podíamos imaginar o desembaraço de uma carga assim que ela entrasse no terminal? Receber uma Nota fiscal por e-mail? Para os mais jovens isto é impensável. Mas quem já atua há algum tempo e já viu por exemplo a 4ª via de uma guia de importação de um veículo é um avanço estratosférico.

Nem nos melhores sonhos imaginávamos passar um arquivo (seja uma foto instantânea, formulário, texto, o que for) via mensagem de um aparelho que cabe na palma da mão (que as vezes usamos até para comunicação de voz) de qualquer parte do planeta em tempo real. Não será surpresa caso algum dia a humanidade comece a utilizar o tele transporte da nave USS ENTREPRISE da série fantástica “Jornada nas Estrelas”, e segundo a própria série, a base do transporte é a famosa fórmula do genial Albert Einstein.

Sendo assim, não deixe de estudar. Atualização sempre que possível. Experiencia é algo importantíssimo, e aliada a atualização, aumenta bastante as chances de sucesso. Hoje, dentre as várias ofertas temos a internet como grande aliada oferecendo conteúdo vasto muitas vezes gratuito, para ficar por dentro das novidades.

Sobre Networking

Na nossa área, por mais incrível que isso possa parecer, ainda existem frentes a serem “desbravadas”, e ao estabelecer networking de qualidade, aumentam de forma significativa novas oportunidades, seja você um profissional ou empreendedor da área. Parcerias são fundamentais, este conceito que alguém que trabalha na mesma área de atuação é uma ameaça, não faz muito sentido hoje em dia.

As áreas de atuação são diversas: transportes internacionais, terminais, agentes, despachantes, operadores portuários, armadores…uma gama enorme de áreas as quais muitas vezes a empresa dita como concorrente pode virar seu parceiro comercial ou ainda contratar seus serviços. E todos ganham fazendo o ecossistema do comércio exterior funcionar de forma plena.


Sobre o Marcelo Viana:

Carioca, casado com a Cristiane, pai do Lucas, torcedor fanático do Flamengo, baterista da banda de Rock “Indecisus” é um entusiasta do comex, especialista em exportações, já perdeu as contas de quantos embarques coordenou desde o “cara preta” até hoje com a DUE.

Formado em Administração de empresas com habilitação em Comércio exterior, pós-graduado em gestão estratégica, mestrando em engenharia de transportes, além de diversos cursos e seminários na área tanto no Brasil quanto no exterior, co-autor do livro “A logística no Comércio Exterior III”

Fundador da MVPB Logística, que desde 2003 atende diversas empresas nas áreas de exportação e importação em todo o Sudeste, sempre procurando o máximo de qualidade no atendimento otimizando os resultados através de boas práticas.

Professor e palestrante de diversas instituições de ensino superior no Brasil desde 2003, acredita que a transformação do ser humano é através da educação.

 

Redes: LINKEDIN : www.linkedin.com/in/mvioli

INSTAGRAM: @marcelovianamvpb

BLOG: www.marceloviana.com.br